Programa de Fomento à Pesquisa sobre Tecnologias Web

O Programa de Fomento à Pesquisa sobre Tecnologias Web é uma iniciativa do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), em parceria com a Sociedade Brasileira de Computação (SBC), implementado pelo escritório brasileiro do W3C, que seleciona centros de pesquisa para apoio a projetos de pesquisa sobre tecnologias Web.

Com os objetivos de promover a pesquisa nacional na área de tecnologias, soluções e estudos de impacto baseadas na Web; a atuação integrada de instituições de pesquisa em torno das áreas temáticas e do desenvolvimento da Web, por meio de redes temáticas e multidisciplinares; e possibilitar a participação de instituições nacionais de pesquisa nos Grupos de Trabalho internacionais do W3C (Working Groups), cuja função é desenvolver os padrões para a Web.

Sua primeira edição teve início em 2011 e terminou em 2016 e teve 5 projetos fomentados: Interfaces Web Dirigidas por Modelos Semânticos, pela Pontifícia Universidade Católica (PUC)-Rio; Interoperabilidade semântica de Dados Abertos Governamentais com Base em ontologias: contribuições para o W3C pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES); LODI - Um Framework para Integração de Dados Abertos e Linkados do Governo Brasileiro pelo CIn da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE); Observatório do Governo Eletrônico pelo InWeb da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG); Plataforma para o desenvolvimento ágil e eficiente de aplicações semânticas pela Universidade Federal de Alagoas (UFAL) e pela Universidade de São Paulo (USP).