Grupos de Trabalho

O Ceweb.br se propõe a desenvolver especificações técnicas e orientações em conjunto com o W3C por meio de um processo que maximize o consenso sobre as recomendações, garantindo qualidades técnicas e editoriais, além de transparentemente alcançar apoio da comunidade de desenvolvedores, do consórcio e do público em geral.

Parte dessas atividades está em conformar interlocuções técnicas em torno das especificações e padrões, considerando as necessidades e demandas apresentadas pela comunidade brasileira. Essas atividades acontecem em Grupos de Trabalho com participação de representantes dos filiados brasileiros, de organizações parceiras e de especialistas convidados.

Grupo de Trabalho de Acessibilidade na Web

Acessibilidade na Web significa possibilitar autonomia no acesso à Web por qualquer pessoa, independentemente de alguma deficiência ou limitação de acesso, com o uso de tecnologias e padrões desenvolvidos pelo W3C.

O Grupo de Trabalho de Acessibilidade na Web foi criado em março de 2012 pelo W3C Brasil e passa a contar com a participação ativa do Ceweb.br para promover a discussão de especialistas e pessoas com deficiência sobre ações em prol da acessibilidade na Web no Brasil. O grupo tem mais de 100 participantes e reúne-se bimestralmente pela rede e, pelo menos uma vez por ano, presencialmente, para direcionar projetos relevantes ao tema.
http://www.w3c.br/GT/GrupoAcessibilidade

Data on the Web Best Pratices Working Group (W3C)

Lançado pelo W3C (World Wide Web Consortium), a recomendação Boas Práticas para Dados na Web (DWBP) foi redigida por especialistas brasileiros do Centro de Estudos sobre Tecnologias Web (Ceweb.br) do Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br), e da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).  Com o intuito de ajudar a promover um ecossistema de compartilhamento de dados, essa recomendação provê um conjunto de 35 Boas Práticas, as quais são passíveis de ação sem serem excessivamente prescritivas. Além das Boas Práticas, o grupo produziu dois vocabulários, um para descrever o uso de um conjunto de dados (Dataset Usage Vocabulary) – através do uso em uma aplicação, citação no trabalho de outra pessoa etc. – e outro para descrever a qualidade dos dados (Data Quality Vocabulary).